O que faz um Bazareiro

Profissionais exercendo a profissão de Bazareiro planejam atividades nos comércios varejista, atacadista e de assistência técnica, atendem clientes, administram e estruturam equipes de trabalho, gerenciam recursos materiais e financeiros, contratos e projetos, promovem condições de segurança, saúde, meio ambiente e qualidade, assessoram a diretoria e setores da empresa.

Algumas das principais funções da profissão

  • Participar de reuniões;
  • Colaborar na definição de epi e epc;
  • Exercitar a autonomia;
  • Expressar-se gestualmente;
  • Implantar técnicas de vendas;
  • Expressar-se oralmente;
  • Liberar mercadorias para entrega;
  • Recomendar promoção de funcionários;
  • Ordenar o descarte de resíduos, sucatas e materiais recicláveis;
  • Divulgar mercadorias e serviços;
  • Encaminhar mercadorias para conserto, reparo e troca;
  • Definir planos operacionais (funcionamento do estabelecimento);
  • Definir metas e indicadores (volume de vendas, inadimplência, custos, qualidade);
  • Elaborar plano de investimentos;
  • Supervisionar divulgação de promoções (colocação de faixas, cartazes etc.);
  • Planejar racionalização do uso de recursos;
  • Detectar necessidades de treinamento e desenvolvimento;
  • Negociar preços e condições de pagamento;
  • Estabelecer normas e critérios de aceitação de serviços;
  • Captar recursos;
  • Atender agentes de fiscalização;
  • Providenciar integração de funcionários;
  • Promover funcionários;
  • Informar funcionários sobre seus desempenhos;
  • Propor compra de novos itens;
  • Manter apresentação pessoal;
  • Cobrar resultados;
  • Zelar pela organização do local de trabalho;
  • Gerenciar contratos de serviços;
  • Controlar o cumprimento de normas;
  • Administrar absenteísmo (faltas, licenças, afastamentos);
  • Planejar o envio de mercadorias para assistência técnica;
  • Revisar planos (vendas, promoções, investimentos, expansão);
  • Definir perfil do consumidor final;
  • Implementar reciclagem de funcionários;
  • Medir resultados de treinamento;
  • Demonstrar capacidade de expressão escrita (redação);
  • Acompanhar indicadores de eficiência e eficácia;
  • Identificar necessidade de contratação de pessoal;
  • Acompanhar a execução orçamentária;
  • Cooperar na definição de projetos;
  • Averiguar comportamento dos concorrentes;
  • Resolver reclamações de clientes;
  • Exercer liderança;
  • Recepcionar mercadorias;
  • Designar equipe para projeto;
  • Contratar serviços;
  • Agir com dinamismo;
  • Definir estratégias de terceirização;
  • Determinar perfis profissionais;
  • Remanejar leiaute;
  • Analisar tendências do mercado;
  • Providenciar contratação e desligamento de funcionários;
  • Argumentar com convicção (persuasão);
  • Estimular a motivação das equipes;
  • Promover programas prevencionistas;
  • Avaliar nível de satisfação das equipes;
  • Administrar conflitos entre funcionários;
  • Gerir estoques;
  • Instruir subordinados;
  • Estabelecer escala de férias e de folgas;
  • Formular incentivos de produtividade;
  • Examinar currículos;
  • Planejar compras e locações;
  • Prover ações de preservação ambiental;
  • Estabelecer roteiros e áreas de atendimento;
  • Acompanhar rotinas administrativas;
  • Transmitir características das mercadorias à equipe de vendas;
  • Gerir custos;
  • Orientar clientes;
  • Representar a empresa;
  • Delegar atribuições;
  • Administrar horas trabalhadas, horas extras;
  • Pesquisar a satisfação dos clientes;
  • Gerir investimentos;
  • Opinar sobre condições e prioridades de projetos;
  • Programar treinamento e desenvolvimento profissionais;
  • Elaborar normas e instruções;
  • Fazer orçamentos;
  • Realizar reuniões com a equipe;
  • Administrar remanejamentos;
  • Avaliar desempenho;
  • Prestar assistência social aos funcionários;
  • Apreciar inovações organizacionais;
  • Qualificar fornecedores;
  • Entrevistar candidatos;
  • Demonstrar motivação;
  • Planejar promoção de venda de mercadorias e serviços;
  • Organizar a documentação do estabelecimento e dos funcionários;
  • Inspecionar as condições das mercadorias expostas;
  • Gerir compras;
  • Mediar relação entre funcionário e empresa;
  • Coordenar inventário de mercadorias para balanço;
  • Otimizar o espaço físico da loja (modulação);
  • Operar equipamentos de informática;
  • Monitorar o andamento de projetos;
  • Supervisionar os serviços de reparação e consertos;
  • Buscar atualização profissional;
  • Evidenciar equilíbrio emocional;
  • Promover ações para o plano de saúde e segurança no trabalho;
  • Transferir numerário para o banco;
  • Autorizar pagamentos e recebimentos;

Onde o Bazareiro pode trabalhar

Gerentes de operações comerciais e de assistência técnica exercem suas funções em empresas do ramo de atividades do comércio por atacado e intermediários do comércio, comércio varejista, de vendas, manutenção, reparação e assistência técnica, de locação de produtos e serviços. Atuam na condição de empregados com carteira assinada, como autônomos , ou como empregadores. Organizam-se de forma individual e, também, em equipes de trabalho, com supervisão ocasional e, dependendo da ocupação, sem supervisão, desenvolvem suas atividades em ambientes fechados, nos períodos diurno e noturno. Podem estar sujeitos a permanecer em posições pouco confortáveis, durante longos períodos e a trabalhar sob pressão, levando-os à condição de estresse. Podem, ainda, estar expostos à ação de materiais tóxicos.

Como trabalhar de Bazareiro

Para o exercício das ocupações comerciante atacadista e comerciante varejista, requer-se trabalhadores com escolaridade de quarta série do ensino fundamental e cursos básicos de qualificação de até duzentas horas-aula. Para gerente de loja e gerente de operações de serviços de assistência técnica, a escolaridade requerida é de ensino médio completo, acrescida de cursos de formação profissional em nível técnico. O desempenho pleno das funções ocorre, para comerciantes atacadistas e varejistas, após período de um a dois anos de experiência profissional para gerentes de loja, após quatro ou cinco anos para gerentes de operações de serviços de assistência técnica, após cinco anos.

Quanto ganha um Bazareiro

O Bazareiro tem um salário inicial de R$ 1.186,45 podendo chegar a R$ 2.596,44 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.423,15 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.582,46 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Bazareiro).

Qual a jornada de trabalho do Bazareiro

O Bazareiro trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.