O que faz um Técnico de Rede (Telecomunicações)

Profissionais exercendo a profissão de Técnico de Rede (Telecomunicações) participam na elaboração de projetos de telecomunicação, instalam, testam e realizam manutenções preventiva e corretiva de sistemas de telecomunicações. Supervisionam tecnicamente processos e serviços de telecomunicações. Reparam equipamentos e prestam assistência técnica aos clientes, ministram treinamentos, treinam equipes de trabalho e elaboram documentação técnica.

Algumas das principais funções da profissão

  • Demonstrar iniciativa;
  • Contribuir para o desenvolvimento de habilidades específicas na equipe;
  • Especificar mão-de-obra;
  • Demonstrar habilidade manual;
  • Levantar o custo do projeto;
  • Interagir com os clientes;
  • Fornecer dados para a área de desenvolvimento tecnológico;
  • Demonstrar habilidade de leitura e redação;
  • Avaliar facilidade de rede;
  • Especificar planos de trabalho;
  • Demonstrar habilidade de comunicação;
  • Demonstrar visão espacial;
  • Consultar manual de instalação;
  • Efetuar testes de funcionamento de acordo com especificações;
  • Distribuir tarefas para equipes de trabalho;
  • Elaborar rotinas de teste;
  • Levantar dados e informações do projeto;
  • Prospectar novos negócios para empresa;
  • Intermediar relações entre cliente e empresa;
  • Identificar a instrumentação necessária;
  • Avaliar condições de funcionamento dos equipamentos;
  • Trabalhar em equipe;
  • Acompanhar serviços de instalação de redes telefônicas;
  • Dominar terminologia técnica em outros idiomas;
  • Ministrar treinamento em novas tecnologias;
  • Verificar o funcionamento dos equipamentos de telecomunicações;
  • Avaliar as interfaces dos equipamentos e componentes;
  • Efetuar ajustes do sistema;
  • Demonstrar criatividade para resolver problemas;
  • Corrigir as falhas do sistema de telecomunicações;
  • Absorver novas tecnologias;
  • Instalar cabeamento;
  • Substituir componentes do sistema;
  • Acompanhar teste de laboratório;
  • Redimensionar equipamentos;
  • Programar o sistema de telecomunicações;
  • Organizar o tempo;
  • Verificar a infraestrutura;
  • Avaliar a necessidade de conserto;
  • Avaliar entroncamento;
  • Testar conexões;
  • Efetuar ajustes;
  • Treinar usuário final;
  • Detectar necessidades de expansão e ou redimensionamento de sistemas;
  • Trocar componentes;
  • Elaborar relatórios de desempenho;
  • Definir plataforma de equipamentos;
  • Instruir o usuário final na utilização de sistemas de telecomunicações;
  • Configurar o sistema de acordo com as especificações do projeto;
  • Elaborar esquemas;
  • Interpretar especificações e normas técnicas;
  • Avaliar desempenho de equipes de trabalho;
  • Efetuar interligações dos equipamentos;
  • Ministrar treinamento em área específica;
  • Medir, aferindo as condições de funcionamento através de instrumentos;
  • Manter informada a empresa sobre a necessidade do cliente;
  • Quantificar os materiais, equipamentos e mão-de-obra;
  • Demonstrar conhecimentos básicos de informática;
  • Elaborar esquemas para projetos;
  • Orientar equipes de trabalho;
  • Configurar os softwares do equipamento;
  • Treinar equipe de trabalho;
  • Reprogramar o sistema de telecomunicações;
  • Capacitar na utilização de tecnologia de telecomunicação;
  • Consultar especificações e normas técnicas;
  • Configurar equipamentos no projeto;
  • Executar rotinas de teste;
  • Demonstrar poder de concentração;
  • Identificar falhas no sistema de telecomunicações;
  • Especificar equipamentos (comutação, transmissão, rede e comunicação de dados);
  • Verificar o fornecimento de energia;
  • Orientar sobre aplicações de soluções técnicas;
  • Verificar alimentação do sistema;
  • Demonstrar habilidade de autodesenvolvimento;
  • Fixar componentes de sistemas de telecomunicações;
  • Analisar relatórios técnicos;
  • Supervisionar o cumprimento do cronograma físico-financeiro;
  • Ativar o sistema;

Onde o Técnico de Rede (Telecomunicações) pode trabalhar

Técnicos em telecomunicações essas ocupações são exercidas por empregados assalariados, com carteira assinada, que se organizam em equipe, sob supervisão ocasional de profissionais de nível superior. Atuam principalmente no segmento de telecomunicações e telefonia, nos correios e em outras atividades empresariais. Trabalham em locais abertos no período diurno. Eventualmente são expostos à radiação, ruídos, material tóxico e altas temperaturas no ambiente de trabalho.

Como trabalhar de Técnico de Rede (Telecomunicações)

O exercício dessas ocupações requer formação técnica de nível médio na área de telecomunicações.

Quanto ganha um Técnico de Rede (Telecomunicações)

O Técnico de Rede (Telecomunicações) tem um salário inicial de R$ 1.135,35 podendo chegar a R$ 2.404,69 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.358,43 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.494,74 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Técnico de Rede (Telecomunicações)).

Qual a jornada de trabalho do Técnico de Rede (Telecomunicações)

O Técnico de Rede (Telecomunicações) trabalha em média 43 horas por semana (215 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.

Categoria Profissional: