O que faz um Queijeiro na Fabricação de Laticínio

Profissionais exercendo a profissão de Queijeiro na Fabricação de Laticínio analisam o leite, inspecionando visualmente e emitindo informações das suas características físicas, coletando e enviando amostras para análises laboratoriais. Armazenam o leite, identificando e controlando a temperatura adequada. Preparam equipamentos para pasteurização e fabricação de laticínios, verificando registros para distribuição do leite, regulando pressão e temperatura de equipamentos e limpando e regulando equipamentos. Pasteurizam o leite, clarificando, padronizando, homogeneizando e resfriando. Adicionam insumos para fabricação de queijo e manteiga, fabricam queijo e esterilizam leite. Envasam e embalam laticínios. Trabalham em conformidade a normas e procedimentos técnicos e de qualidade, segurança, higiene, saúde e preservação ambiental.

Algumas das principais funções da profissão

  • Pré-prensar a coalhada;
  • Identificar os tipos de insumos;
  • Colocar o leite em locais e temperaturas adequados;
  • Armazenar os produtos de laticínios;
  • Clarificar o leite;
  • Inspecionar insumos;
  • Mexer a coalhada;
  • Controlar a secagem do queijo;
  • Prensar o queijo;
  • Realizar testes sensoriais;
  • Dessorar a coalhada;
  • Controlar os pesos dos produtos de laticínios;
  • Inspecionar visualmente as características físicas (ex.: impurezas, consistências e coloração);
  • Medir insumos;
  • Enviar amostras de leite para o laboratório;
  • Verificar registros para distribuição do leite;
  • Filar a massa;
  • Padronizar o leite;
  • Preparar a coalhada;
  • Requisitar insumos;
  • Demonstrar capacidade de cumprimento de normas e procedimentos;
  • Cortar a coalhada;
  • Atuar em equipe;
  • Regular pressão e temperatura no equipamento;
  • Demonstrar criatividade;
  • Acondicionar produtos de laticínios;
  • Dar provas de aptidão sensorial;
  • Coletar amostras do leite;
  • Controlar a maturação do queijo;
  • Resfriar o leite;
  • Abastecer as máquinas com materiais de embalagem;
  • Preparar as máquinas;
  • Controlar o recebimento e a expedição do leite;
  • Regular equipamentos conforme especificações;
  • Emitir informações das características do leite;
  • Demonstrar senso de higiene;
  • Homogeneizar o leite;
  • Controlar temperatura do leite;
  • Salgar o queijo;
  • Atualizar-se com as condições de mercado;
  • Receber laudo de forma a descarregar ou devolver o leite;
  • Enformar a massa;
  • Limpar os equipamentos para a pasteurização e fabricação de laticínios;
  • Manter-se atualizado tecnologicamente;
  • Identificar o leite;

Onde o Queijeiro na Fabricação de Laticínio pode trabalhar

Trabalhadores artesanais na pasteurização do leite e na fabricação de laticínios atuam na fabricação de produtos alimentares como empregados com carteira assinada. O trabalho é individual, sob supervisão ocasional, em ambiente fechado e no horário diurno. Podem desenvolver suas atividades por conta própria ou como autônomos (como ocorre com o queijeiro) com total autonomia em relação às condições de trabalho.

Como trabalhar de Queijeiro na Fabricação de Laticínio

Para o exercício dessas ocupações requer-se a quarta série do ensino fundamental e prática profissional no posto de trabalho. O pleno desempenho das atividades ocorre com aproximadamente um ano de experiência profissional.

Quanto ganha um Queijeiro na Fabricação de Laticínio

O Queijeiro na Fabricação de Laticínio tem um salário inicial de R$ 1.106,98 podendo chegar a R$ 1.797,86 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.256,15 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.267,62 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Queijeiro na Fabricação de Laticínio).

Qual a jornada de trabalho do Queijeiro na Fabricação de Laticínio

O Queijeiro na Fabricação de Laticínio trabalha em média 43 horas por semana (215 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.