O que faz um Polidor de Matrizes

Profissionais exercendo a profissão de Polidor de Matrizes planejam o trabalho de polimento de superfícies metálicas e de afiação de ferramentas. Fazem polimento e afiação utilizando processos manuais, semi-automáticos e automáticos, controlando a qualidade do serviço e aplicando normas de segurança.

Algumas das principais funções da profissão

  • Substituir roda de polir;
  • Definir parâmetros (tempo, quantidade, tipo, granulometria) para aplicação de abrasivo na ferramenta;
  • Inspecionar visualmente o produto;
  • Identificar refugo e retrabalho;
  • Ajustar perfil da roda (pano ou sisal) com ferramenta de corte;
  • Demonstrar capacidade de observação;
  • Controlar dosagem de abrasivo;
  • Estimar produção de polimento;
  • Seguir normas de segurança e medicina do trabalho;
  • Adequar as condições ergonômicas do trabalho;
  • Participar de ações preventivas contra incêndio e acidentes;
  • Selecionar equipamento , máquina para polir;
  • Cultivar espirito de equipe;
  • Identificar os pontos a inspecionar;
  • Demonstrar espírito de liderança;
  • Identificar fim da vida útil da ferramenta de polir;
  • Repor chips, esfera;
  • Participar do levantamento de riscos ambientais;
  • Inspecionar o produto com equipamentos;
  • Identificar o grau de polimento de acordo com padrão de qualidade exigido;
  • Atuar de forma responsável no trabalho;
  • Demonstrar zelo com máquinas e equipamentos;
  • Aplicar abrasivo na roda observando intervalo de tempo necessário;
  • Retirar peça polida da máquina;
  • Estabelecer sequência dos movimentos;
  • Estabelecer velocidades da politriz (rpm) de acordo com a tabela;
  • Utilizar equipamento de proteção individual;
  • Tomar decisões;
  • Prestar primeiros socorros;
  • Selecionar ferramenta para polir;
  • Demonstrar espírito de colaboração;
  • Montar roda de polir (escova, disco) na máquina;
  • Programar máquina para polir;
  • Identificar material a ser polido;
  • Cultivar autoconfiança;
  • Colocar a peça a ser polida na máquina;
  • Definir a medida mínima do rebolo, polidor;
  • Montar roda de polir;
  • Definir quantidade a inspecionar (100% ou amostra);
  • Colocar chips e esfera;
  • Criar alternativas para a solução de problemas;
  • Substituir rebolo, polidor;
  • Zelar pela organização e limpeza;
  • Controlar desgaste de chips, esferas, rodas de polir;
  • Verificar as dimensões no início do processo (peça ou lote);
  • Manter equipamento de polir em ordem;
  • Seguir instruções de trabalho de polimento;

Onde o Polidor de Matrizes pode trabalhar

Afiadores e polidores de metais os profissionais da família podem trabalhar em diversos ramos da indústria de transformação como, por exemplo, a metalúrgia, a mecânica, a química, a movelaria, o plástico e a eletroeletrônica e na construção civil, geralmente como empregados registrados, em turnos diurnos, com supervisão ocasional.Trabalham também de forma autônoma, prestando serviços diretamente a clientes. No desempenho das suas atividades tendem a permanecer em posições desconfortáveis por longos períodos expondo-se, muitas vezes, à fadiga decorrente do trabalho repetitivo.Podem estar sujeitos aos efeitos de materiais tóxicos e ruídos intensos.

Como trabalhar de Polidor de Matrizes

As ocupações da família requerem instrução equivalente ao ensino fundamental completoe experiência prévia de umm a dois anos. A aprendizagem pode se dar por meio de cursos de qualificação profissional de mais de quatrocentas horas de duração. Apenas para polidores de metais, o período de formação na ocupação tende a ser mais curto, com cursos girando entre duzentas e quatrocentas horas- aula.

Quanto ganha um Polidor de Matrizes

O Polidor de Matrizes tem um salário inicial de R$ 1.347,36 podendo chegar a R$ 2.127,13 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.661,00 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.565,24 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Polidor de Matrizes).

Qual a jornada de trabalho do Polidor de Matrizes

O Polidor de Matrizes trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.

Categoria Profissional: