O que faz um Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool

Profissionais exercendo a profissão de Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool elaboram planos de manutenção, realizam manutenções de motores, sistemas e partes de veículos automotores. Substituem peças, reparam e testam desempenho de componentes e sistemas de veículos. Trabalham em conformidade com normas e procedimentos técnicos, de qualidade, de segurança e de preservação do meio ambiente.

Algumas das principais funções da profissão

  • Orientar o cliente no uso correto do veículo;
  • Substituir bolsas de ar;
  • Regular freios;
  • Instalar motor no veículo;
  • Trocar válvula injetora;
  • Confirmar plano de manutenção com o cliente;
  • Alinhar sistema de direção;
  • Trocar sistema de embreagem;
  • Identificar áreas de risco;
  • Verificar funcionamento da alavanca e cabo de freios;
  • Identificar tipos de transmissão e funcionamento;
  • Interpretar termos técnicos em língua estrangeira;
  • Preencher ordem de serviço;
  • Orçar serviços manuais e por computador;
  • Interpretar diagramas eletroeletrônicos;
  • Interpretar desenhos e normas técnicas;
  • Instalar sistemas de transmissão no veículo;
  • Ajustar válvulas no motor;
  • Reparar bomba hidráulica da direção;
  • Trabalhar com atenção seletiva;
  • Verificar condições de funcionamento dos componentes do freio;
  • Comunicar-se com clareza verbal e por escrito;
  • Balancear rodas;
  • Trocar vedantes de óleo e água;
  • Estimar tempo de execução;
  • Realizar manutenção do compressor de ar;
  • Testar circuitos eletroeletrônicos;
  • Demonstrar orientação espacial;
  • Trocar componentes da unidade hidráulica;
  • Trabalhar com responsabilidade;
  • Manter o local de trabalho organizado;
  • Desmontar sistema de transmissão;
  • Controlar dimensional das peças;
  • Substituir agregados (compressor, alternador, bomba d'água etc.);
  • Trocar mangueiras, correias e polias;
  • Estabelecer vínculos de confiança entre o cliente e a empresa;
  • Consultar recomendações de segurança contidas nos manuais e nos veículos;
  • Trocar filtros e lubrificantes;
  • Coordenar braços e pernas;
  • Trocar peças desgastadas pelo tempo de uso;
  • Reparar sistema elétrico;
  • Trocar componentes eletroeletrônicos;
  • Avaliar satisfação do cliente;
  • Regular altura da suspensão;
  • Trocar radiadores;
  • Realizar o trabalho de modo eficiente;
  • Reparar carburadores;
  • Lubrificar articulações da suspensão;
  • Trocar terminais esféricos (pivôs);
  • Trocar peças com defeito de fabricação;
  • Sangrar sistema de freios;
  • Drenar filtros da linha de alimentação;
  • Reparar sistema de arrefecimento;
  • Trocar rolamentos de rodas;
  • Trocar molas;
  • Identificar o trabalho a ser realizado;
  • Reparar bomba de combustível;
  • Preencher requisição de material;
  • Efetuar testes hidráulicos e pneumáticos;
  • Testar sistema de transmissão no veículo;
  • Verificar condições da tubulação e tanque de combustível;
  • Reparar sistema de sobrealimentação;
  • Desmontar o motor;
  • Realizar manutenção da bomba hidráulica;
  • Trocar fluidos hidráulicos;
  • Manter relacionamento interpessoal;
  • Trocar tensores;
  • Trocar barras estabilizadoras e hastes de reação;
  • Reparar sistema de escapamento;
  • Substituir braços do sistema;
  • Realizar teste de funcionamento do sistema de arrefecimento;
  • Trocar sensores térmicos;
  • Substituir agregados da suspensão;
  • Enviar peças para retificação;
  • Selecionar ferramental de acordo com o trabalho;
  • Testar pressão de alimentação e vazão;
  • Efetuar ajustes de montagem na transmissão;
  • Reparar unidade hidráulica;
  • Trocar peças do sistema de escapamento;
  • Manter-se atualizado profissionalmente;
  • Trabalhar em equipe;
  • Vestir equipamentos de proteção individual;
  • Diagnosticar falhas de funcionamento do veículo;
  • Trocar válvulas pneumáticas;
  • Remover o motor do veículo;
  • Reparar chassis;
  • Efetuar limpeza geral;
  • Montar motor;
  • Demonstrar destreza manual;
  • Regular sistema de ignição e injeção;
  • Conferir peças no recebimento;
  • Testar motor no veículo;
  • Reparar válvula injetora (diesel);
  • Realizar teste de emissão de poluentes;
  • Ajustar componentes mecânicos elétricos e hidráulicos;
  • Testar desempenho do motor em dinamômetro;
  • Limpar filtros de transmissão;
  • Descartar peças, componentes, fluidos e lubrificantes, segundo normas ambientais;
  • Cumprir compromissos assumidos;
  • Reparar sistema de carga e partida;
  • Testar sistema eletroeletrônico do freio abs;
  • Identificar sons no ambiente;
  • Testar estanqueidade do sistema de alimentação;
  • Trocar amortecedores;
  • Trocar buchas;
  • Remover sistemas de transmissão;
  • Ajustar cubos de rodas;

Onde o Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool pode trabalhar

Mecânicos de manutenção de veículos automotores trabalham em empresas de transporte terrestre, de venda, manutenção e reparo de veículos, de aluguel de veículos, máquinas e equipamentos, dentre outras. São empregados com registro em carteira. Geralmente executam o trabalho de forma individual, sob supervisão ocasional. Trabalham em locais fechados ou abertos, em horários diurnos, em rodízio de turnos e em horários irregulares. Algumas das atividades são executadas em posições desconfortáveis, com exposição a ruídos e a materiais tóxicos.

Como trabalhar de Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool

Para o exercício dessas atividades requer-se ensino fundamental completo e curso profissionalizante em mecânica de manutenção de veículos automotores superior a quatrocentas horas-aula e cursos básicos de noções de eletricidade e eletrônica. O pleno exercício das atividades ocorre após três ou quatro anos de experiência profissional.

Quanto ganha um Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool

O Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool tem um salário inicial de R$ 1.169,06 podendo chegar a R$ 2.152,66 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.456,44 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.452,40 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool).

Qual a jornada de trabalho do Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool

O Mecânico de Manutenção de Motores a Álcool trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.