O que faz um Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar

Profissionais exercendo a profissão de Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar organizam o local de trabalho, preparam máquinas de costura e de bordar para acabamento de roupas. Preparam peças para costura, e bordado, de acordo com os gabaritos. Costuram acessórios e bordam peças confeccionadas. Controlam a qualidade da costura e dos acabamentos de peças do vestuário.

Algumas das principais funções da profissão

  • Demonstrar capacidade de auto aperfeiçoamento;
  • Identificar acessórios para cada tipo de operação de bordar e de montagem de peças do vestuários;
  • Trabalhar em equipe;
  • Demonstrar capacidade de visão de curta distância;
  • Medir peças do vestuário;
  • Marcar peças do vestuário de acordo com o gabarito;
  • Limpar as máquinas e o local de trabalho;
  • Demonstrar iniciativa;
  • Controlar tempo e motivo de horas trabalhadas e paradas;
  • Desenvolver gabaritos de acordo com a peça-piloto para bordados e arremates;
  • Identificar defeitos em peças confeccionadas e bordadas;
  • Demonstrar agilidade;
  • Selecionar peças do vestuário por tecido, cor e tamanho;
  • Demonstrar destreza manual;
  • Usar equipamentos de proteção individual (epi);
  • Corrigir as peças do vestuário fora da especificação de qualidade;
  • Demonstrar criatividade;
  • Lubrificar as máquinas;
  • Discriminar relevos de bordados;
  • Demonstrar firmeza no pulso;

Onde o Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar pode trabalhar

Operadores de máquinas para bordado e acabamento de roupas sob supervisão permanente, trabalham em confecções de roupas, ou oficinas de costura, geralmente como assalariados com carteira assinada, organizados em células de produção ou equipe multifuncional, exceto bordadores(as) e passadores que trabalham de forma individual. Trabalham em ambiente fechado, em horários diurno e noturno. Em algumas atividades podem estar sujeitos a posições desconfortáveis e expostos a ruído intenso e à poeira.

Como trabalhar de Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar

O exercício dessas ocupações pressupõe escolaridade de nível fundamental seguida de curso de formação profissional básica de até duzentas horas-aula em um dos conjuntos de atividades do acabamento, como passadoria e operação de máquinas de acabamento.

Quanto ganha um Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar

O Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar tem um salário inicial de R$ 1.130,79 podendo chegar a R$ 1.642,57 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.285,44 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.235,19 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar).

Qual a jornada de trabalho do Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar

O Marcador de Pecas Confeccionadas para Bordar trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.