O que faz um Manilheiro - na Fabricação

Profissionais exercendo a profissão de Manilheiro - na Fabricação extraem matéria-prima de jazidas e preparam a argila para a fabricação e telhas e tijolos. Processam a fabricação, secagem e queima de telhas e tijolos. Desenfornam telhas e tijolos e providenciam a sua armazenagem. Participam da elaboração de demonstrativo da produção diária. Trabalham seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e proteção ao meio ambiente.

Algumas das principais funções da profissão

  • Acender o fogo do forno;
  • Adicionar à argila o desperdício do material cozido;
  • Agir com persistência;
  • Conduzir telhas e tijolos produzidos para o local de estoque;
  • Controlar o tempo de armazenamento (sazonamento);
  • Vedar forno para a queima;
  • Demonstrar paciência;
  • Operar máquina cortadora de tijolos;
  • Conduzir o desperdício do material cozido para o moinho;
  • Controlar o transporte da argila nas esteiras;
  • Conduzir tijolos e telhas para a secagem (estufa, natural - meio ambiente);
  • Separar telhas e tijolos de acordo com a classificação;
  • Fazer manutenção periódica das boquilhas;
  • Operar máquina desintegradora de argila;
  • Contar a produção enfornada, diariamente;
  • Contar a produção crua diária;
  • Contar a produção desenfornada, diariamente;
  • Agir com criatividade;
  • Armazenar a argila;
  • Organizar telhas e tijolos dentro do forno, para a queima;
  • Demonstrar agilidade;
  • Estocar a matéria-prima extraída;
  • Transportar a argila para a maromba;
  • Demonstrar domínio das quatro operações matemáticas;
  • Providenciar o resfriamento do forno (natural, ventilador);
  • Acompanhar o processo de secagem de telhas e tijolos;
  • Demonstrar interesse na utilização de equipamentos de segurança;
  • Abastecer forno com lenha;
  • Demonstrar controle emocional;
  • Limpar terrenos para extração de matéria-prima;
  • Abastecer o forno com telhas e tijolos secos;
  • Operar máquina laminadora de argila;
  • Evidenciar conhecimentos básicos na área específica;
  • Aguar a argila;
  • Dosar a mistura de argila para a fabricação de tijolos;
  • Retirar impurezas da argila;
  • Conduzir o desperdício do material cru para o moinho;
  • Providenciar a instalação da boquilha (fôrma) na maromba, para fabricação de tijolos;
  • Carregar caminhão com as telhas e tijolos do estoque;
  • Misturar as diferentes matérias-primas extraídas;
  • Retirar telhas e tijolos para classificação;
  • Contar o desperdício da produção diária;
  • Resistir a temperaturas compatíveis com a ocupação de oleiro;
  • Trabalhar em equipe de forma produtiva;
  • Transportar a matéria-prima extraída, da jazida para a cerâmica;
  • Evidenciar força física;
  • Monitorar a temperatura de resfriamento do forno;
  • Informar sobre o desperdício da produção diária;
  • Controlar a umidade da argila;
  • Controlar a temperatura do forno;
  • Informar sobre a produção enfornada, diariamente;
  • Informar sobre a produção crua diária;
  • Conduzir material do estoque para o caminhão;
  • Demonstrar responsabilidade;
  • Verificar o ponto de queima de telhas e tijolos;
  • Colocar a argila no caixão alimentador;
  • Informar sobre a produção desenfornada, diariamente;
  • Analisar, caracterizando, a matéria-prima;
  • Providenciar local de armazenagem de telhas e de tijolos;
  • Controlar o vácuo na maromba;
  • Operar máquina para misturar a argila (misturador);
  • Fazer a porta para vedação do forno;

Onde o Manilheiro - na Fabricação pode trabalhar

Trabalhadores da fabricação de cerâmica estrutural para construção atuam na fabricação de produtos para a construção civil como empregados com carteira assinada. Trabalham individualmente, sob supervisão permanente, em ambientes fechados ou a céu aberto e no sistema de rodízio de turno (diurno/noturno). No desempenho de algumas atividades podem permanecer expostos a radiação e altas temperaturas.

Como trabalhar de Manilheiro - na Fabricação

Para o exercício dessas ocupações requer-se prática profissional no posto de trabalho. O pleno desempenho das atividades ocorre com aproximadamente um ano de experiência.

Quanto ganha um Manilheiro - na Fabricação

O Manilheiro - na Fabricação tem um salário inicial de R$ 1.100,00 podendo chegar a R$ 1.566,96 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.110,00 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.159,36 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Manilheiro - na Fabricação).

Qual a jornada de trabalho do Manilheiro - na Fabricação

O Manilheiro - na Fabricação trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.