O que faz um Fotógrafo de Foto Submarina

Profissionais exercendo a profissão de Fotógrafo de Foto Submarina criam imagens fotográficas de acontecimentos, pessoas, paisagens, objetos e outros temas, em branco e preto ou coloridas, utilizando câmeras fixas (de película ou digitais) e diversos acessórios. Escolhem tema ou assunto da fotografia ou atendem a demandas de clientes ou empregadores, segundo objetivos artísticos, jornalísticos, comerciais, industriais, científicos etc. Podem revelar e retocar negativos de filmes, tirar, ampliar e retocar cópias, criar efeitos gráficos em imagens obtidas por processos digitais e reproduzi-las sobre papel ou outro suporte. Podem dirigir estúdio fotográfico ou loja de material de fotografia.

Algumas das principais funções da profissão

  • Monitorar equipamentos de medição;
  • Criar ambiente que expresse a emoção desejada;
  • Seguir projeto profissional traçado;
  • Controlar fluxo de caixa, pagamentos e recebimentos;
  • Organizar encontros e congressos;
  • Desenvolver capacidade de síntese;
  • Orçar o trabalho fotográfico;
  • Estudar culturas e costumes locais/regionais;
  • Registrar a imagem sobre película ou meio magnético;
  • Interpretar desejos e aspirações do cliente;
  • Operar programas de tratamento de imagens;
  • Documentar a autoria da imagem fotográfica;
  • Interagir com o fotografado;
  • Interpretar o objeto a ser fotografado;
  • Gerenciar o tempo;
  • Ampliar fotos;
  • Arquivar os documentos fotográficos;
  • Catalogar documentos fotográficos;
  • Trocar informações com equipe;
  • Assumir riscos calculados;
  • Formar novos quadros;
  • Demonstrar criatividade;
  • Estudar condições geográficas e climáticas;
  • Controlar estoque de material fotográfico;
  • Ensinar o cliente a entender a imagem;
  • Providenciar credenciamento;
  • Escolher equipamentos em função de intenções, área de atuação e circunstâncias;
  • Definir o suporte material da imagem fotográfica;
  • Restaurar imagens fotográficas;
  • Dominar linguagem fotográfica;
  • Operar câmera fotográfica e acessórios;
  • Desenvolver perspicácia;
  • Contextualizar a imagem fotográfica;
  • Demonstrar pontualidade;
  • Revelar filmes;
  • Selecionar pessoal;
  • Eleger o tema;
  • Ministrar cursos de formação profissional;
  • Modular a luz;
  • Calcular a relação custo/benefício no trabalho;
  • Levantar informações sobre o tema;
  • Operar equipamentos de iluminação;
  • Assessorar o desenvolvimento de novas linguagens e produtos;
  • Montar exposições;
  • Precisar perspectivas e pontos de vista;
  • Estimar custos;
  • Conceituar o trabalho fotográfico;
  • Proferir palestras;
  • Remunerar equipe de trabalho;
  • Negociar preços;
  • Definir áreas e formas de atuação no mercado de trabalho;
  • Publicar livros e catálogos;
  • Dominar o idioma;
  • Elaborar procedimentos para relação com o cliente;
  • Vistoriar infraestrutura do local;
  • Dirigir a produção de imagem;
  • Digitalizar imagem;
  • Apresentar o produto fotográfico final ao destinatário;
  • Procurar espaços ou locações para fotografar;
  • Providenciar equipamentos de apoio para a produção e transmissão de imagem;
  • Compreensão de outros idiomas;
  • Decidir o momento do ato fotográfico;
  • Lidar com imprevistos;
  • Preparar material autopromocional;
  • Legendar imagem;
  • Estudar a legislação referente à proteção ao direito autoral e ao uso da imagem;
  • Produzir documentação referente à imagem;
  • Editar imagem;
  • Estudar fontes e referências fotográficas;
  • Discutir a pauta/briefing;
  • Testar novos materiais de acabamento;
  • Superar limitações econômicas;
  • Pesquisar tendências, estilo, materiais;
  • Calibrar os equipamentos;
  • Avaliar resultados;
  • Entrevistar clientes;
  • Cultivar persistência;
  • Experimentar produtos e técnicas fotográficas;
  • Manter-se atualizado;
  • Divulgar seu trabalho na web;
  • Conceber cenas para fotografar;
  • Dominar técnicas de sua especialização;
  • Compor a imagem;
  • Tratar imagem digitalizada ou convencional: brilho, contraste, definição e corte;
  • Escalonar tarefas;
  • Delegar funções;
  • Testar equipamentos e acessórios;
  • Estabelecer cronograma de trabalho;
  • Apresentar portfólio;
  • Providenciar manutenção de equipamentos e instalações;
  • Participar de associações profissionais;
  • Enquadrar a imagem;

Onde o Fotógrafo de Foto Submarina pode trabalhar

Fotógrafos profissionais trabalham em diversas áreas, principalmente, na imprensa em geral, na publicidade, propaganda e marketing, no comércio de mercadorias, em diversos ramos dos serviços. Podem também ser encontrados no ensino e na área de pesquisa e desenvolvimento. Na sua maioria são autônomos, empregadores e, em menor medida, empregados. Podem atender o público diretamente ou não e desenvolvem suas atividades sozinhos ou em equipe, geralmente em horários irregulares. Em algumas atividades, alguns profissionais podem trabalhar sob condições especiais, como permanecer em posições desconfortáveis por longos períodos e estar expostos a materiais tóxicos e a altas temperaturas.

Como trabalhar de Fotógrafo de Foto Submarina

O aprendizado das ocupações da família pode se dar na prática e também por intermédio do ensino superior completo na área, conforme a ocupação em questão. O pleno desempenho das atividades ocorre, no mínimo, após três anos de experiência.

Quanto ganha um Fotógrafo de Foto Submarina

O Fotógrafo de Foto Submarina tem um salário inicial de R$ 1.144,18 podendo chegar a R$ 2.460,38 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.414,50 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.529,84 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Fotógrafo de Foto Submarina).

Qual a jornada de trabalho do Fotógrafo de Foto Submarina

O Fotógrafo de Foto Submarina trabalha em média 43 horas por semana (215 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.

Categoria Profissional: