O que faz um Formista - na Fundição

Profissionais exercendo a profissão de Formista - na Fundição preparam a areia para moldagem e macharia. Confeccionam machos e moldes em processos mecanizado e manual. Confeccionam, a mão e a máquina, moldes de areia para moldagem de metais e machos para fundição de peças ocas. Operam equipamentos de preparação da areia.

Algumas das principais funções da profissão

  • Retirar o excesso de metal sólido do molde;
  • Respeitar os procedimentos operacionais;
  • Conferir nível do silo;
  • Preencher controle de produção de areia preparada;
  • Obedecer procedimentos internos;
  • Extrair a peça;
  • Obedecer princípios de qualidade total;
  • Retirar do molde, o peso de lastro ou grampo;
  • Solicitar manutenção dos misturadores, correias transportadoras, silos, peneiras e outros;
  • Regenerar a areia de moldação (areia sílico, argilosa, sintética);
  • Limpar as máquinas de preparação de areia;
  • Operar equipamentos de preparação e distribuição de areia;
  • Separar da peça, os canais para a área de acabamento e limpeza;
  • Verificar a medida da areia no misturador;
  • Inspecionar a qualidade da areia;
  • Retirar o excesso de areia da peça;
  • Trocar caixas de macho, conforme programação de produção;
  • Solicitar manutenção de máquinas;
  • Adicionar aglomerantes e aditivos segundo parâmetros técnicos;
  • Trabalhar com atenção concentrada;
  • Utilizar corretamente equipamento de proteção individual;
  • Trabalhar em equipe;

Onde o Formista - na Fundição pode trabalhar

Trabalhadores de moldagem de metais e de ligas metálicas trabalham nas indústrias de metalurgia básica, na fabricação de produtos de metal e de máquinas e equipamentos. São empregados assalariados, com carteira assinada. O trabalho é realizado em equipe, sob supervisão permanente. Em algumas das atividades podem permanecer em posições desconfortáveis durante longos períodos e expostos a materiais tóxicos, ruído intenso, altas temperaturas e poeira, com riscos de silicose.

Como trabalhar de Formista - na Fundição

Para o exercício dessas ocupações requer-se ensino fundamental. O aprendizado ocorre no próprio local de trabalho. O pleno desempenho das atividades requer de um a dois anos de experiência.

Quanto ganha um Formista - na Fundição

O Formista - na Fundição tem um salário inicial de R$ 1.267,45 podendo chegar a R$ 2.371,77 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.609,66 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.598,83 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Formista - na Fundição).

Qual a jornada de trabalho do Formista - na Fundição

O Formista - na Fundição trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.