O que faz um Diretor de Serviços Culturais

Profissionais exercendo a profissão de Diretor de Serviços Culturais definem política institucional, planejam atividades, administram e captam recursos para projetos sociais e culturais. Fomentam ações culturais na comunidade, administram acervos, orientam a elaboração de projetos, coordenam equipes de trabalho e definem política de recursos humanos.

Algumas das principais funções da profissão

  • Propor atividades de incentivo cultural e social;
  • Negociar com financiadores;
  • Participar na seleção de peças para exposições e amostras;
  • Promover a organização de campanhas de conscientização;
  • Definir estratégia de marketing;
  • Agir com dinamismo;
  • Obter informações para subsídio do projeto;
  • Analisar propostas teatrais;
  • Liderar equipe;
  • Tomar decisão;
  • Criar incentivos para desenvolvimento profissional dos funcionários;
  • Definir políticas de treinamento;
  • Selecionar projeto para financiamento;
  • Demonstrar capacidade de persuasão;
  • Participar na definição de cargos e salários;
  • Demonstrar capacidade de discernimento;
  • Coordenar eventos;
  • Promover a organização de atividades comunitárias;
  • Estabelecer parcerias;
  • Definir plano de divulgação;
  • Demonstrar capacidade de relacionamento interpessoal;
  • Representar a instituição;
  • Atualizar missão da instituição;
  • Demonstrar sociabilidade;
  • Estabelecer rede de relações institucionais;
  • Delegar responsabilidades;
  • Participar na divulgação de espetáculos;
  • Definir mostras e exposições;
  • Estabelecer canais de comunicação interna;
  • Formar acervos;
  • Estabelecer parceiros na implementação do projeto;
  • Promover a organização de campanhas de mobilização social;
  • Objetivar comunicação;
  • Agir com iniciativa;
  • Definir estratégia de captação de recursos;
  • Definir objetivos do projeto;
  • Definir benefícios;
  • Definir políticas de contratação;
  • Promover políticas de incentivos e promoções;
  • Administrar conflitos;
  • Atualizar-se tecnicamente;
  • Selecionar propostas teatrais;
  • Definir prioridades na aquisição de acervos;
  • Compartilhar informações com equipe de trabalho;
  • Estabelecer critérios de avaliação das metas e objetivo da instituição;
  • Sugerir políticas públicas;
  • Definir escopo de projeto;
  • Definir metas da instituição;
  • Definir demandas sociais e culturais;
  • Analisar viabilidade do projeto;
  • Definir objetivos da instituição;
  • Demonstrar motivação;
  • Avaliar desempenho da equipe;
  • Definir público alvo;
  • Avaliar resultados do projeto;
  • Ponderar opiniões divergentes;
  • Trabalhar com determinação;
  • Selecionar projetos sociais;
  • Organizar reuniões de avaliação, acompanhamento e planejamento;
  • Identificar potenciais financiadores;
  • Demonstrar clareza de expressão verbal;
  • Definir políticas de descarte e reutilização de acervo;
  • Apresentar soluções criativas;
  • Estabelecer indicadores de avaliação de projeto;

Onde o Diretor de Serviços Culturais pode trabalhar

Diretores e gerentes de operações em empresa de serviços pessoais, sociais e culturais exercem suas funções em instituições, associações e empresas dos ramos de atividades culturais, sociais, recreativas, de saúde e serviços sociais. São contratados na condição de empregados com carteira e também atuam como autônomos. Trabalham em equipe, sob supervisão ocasional, em ambientes fechados, no período diurno. Em algumas de suas atividades podem trabalhar sob pressão, levando-os à situação de estresse.

Como trabalhar de Diretor de Serviços Culturais

Para o exercício dessas ocupações requer-se curso superior. O exercício pleno das funções ocorre após o período de cinco anos de experiência profissional.

Quanto ganha um Diretor de Serviços Culturais

O Diretor de Serviços Culturais tem um salário inicial de R$ 1.839,56 podendo chegar a R$ 18.251,27 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 4.500,00 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 7.478,12 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Diretor de Serviços Culturais).

Qual a jornada de trabalho do Diretor de Serviços Culturais

O Diretor de Serviços Culturais trabalha em média 41 horas por semana (205 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.