O que faz um Cunicultor

Profissionais exercendo a profissão de Cunicultor coordenam manejo da produção de aves, ovos e coelhos, provêem alimentos para aves e coelhos, alimentam e controlam a sanidade dos animais. Providenciam documentos e preparam aves, ovos, coelhos e seus derivados para comercialização. Programam logística de transporte, de insumos e produção, e administram recursos humanos e financeiros da granja. Podem implantar granjas.

Algumas das principais funções da profissão

  • Encaminhar animais para abate;
  • Estabelecer público-alvo;
  • Levantar recursos financeiros;
  • Selecionar matérias-primas para elaboração das rações;
  • Elaborar projeto de instalações;
  • Demonstrar sensibilidade na comunicação;
  • Construir infraestrutura de produção (galpões, refeitórios, vestiários, casa para trabalhadores);
  • Verificar produto embalado;
  • Comprar matérias-primas e ração comercial;
  • Demonstrar receptividade;
  • Formular rações;
  • Efetuar pagamentos;
  • Demonstrar iniciativa;
  • Controlar fluxos de caixa;
  • Colocar ninhos para fêmeas;
  • Supervisionar acondicionamento e expedição do produto;
  • Expedir produto;
  • Controlar validade e condições de armazenagem de medicamentos;
  • Promover vazio sanitário;
  • Colocar animais imigrantes em quarentena;
  • Fornecer forrageirass para animais;
  • Providenciar retirada de estercos das instalações;
  • Programar manutenção e troca de veículos da própria frota;
  • Assistir coelhos no ciclo de reprodução;
  • Negociar preços e condições de venda (prazo de pagamento, local de entrega, tempo de entrega, etc);
  • Programar meios e tipos de transportes;
  • Programar acasalamento;
  • Distribuir funções;
  • Selecionar matrizes;
  • Selecionar local de instalações para produção;
  • Sexar animais;
  • Supervisionar recria dos lotes;
  • Contratar trabalhadores;
  • Motivar pessoas;
  • Repor plantel de animais;
  • Providenciar inspeção veterinária;
  • Analisar qualidade das matérias-primas e rações;
  • Elaborar divulgação do produto;
  • Divulgar metas da empresa para funcionários;
  • Inspecionar limpeza e desinfecção das instalações;
  • Definir ciclo de produção e reprodução;
  • Vacinar animais;
  • Calcular custo de produção e venda do produto;
  • Demonstrar senso de observação;
  • Arraçoar animais;
  • Demonstrar dinamismo;
  • Produzir rações;
  • Demitir trabalhadores;
  • Procurar novos clientes;
  • Organizar manejo inicial dos animais;
  • Efetuar cobranças;
  • Treinar trabalhadores;
  • Demonstrar firmeza;
  • Adotar tecnologias de produção;
  • Avaliar resultados de produção;
  • Isolar granja e plantéis com barreiras sanitárias;
  • Transferir lotes de animais;
  • Limpar instalações;
  • Elaborar tabela de preço do produto;
  • Cadastrar clientes;
  • Avaliar trabalhadores;
  • Estudar viabilidade do local e instalações junto aos órgãos competentes;
  • Providenciar embalagens conforme regulamentação oficial;
  • Supervisionar manutenção de instalações e equipamentos;
  • Providenciar guia de transferência de lotes de animais segundo regulamentação oficial;
  • Fornecer ´o verde´ (forrageiras) para animais;
  • Demonstrar responsabilidade;
  • Contratar serviços contábeis;
  • Verificar preços de mercado;
  • Liderar equipe;
  • Definir ganhos de produtividade;
  • Efetuar debicagem dos lotes;
  • Renovar frotas de veículos;
  • Programar rotas de distribuição;
  • Armazenar ração e matérias-primas;
  • Demonstrar criatividade;
  • Providenciar transporte de trabalhadores;
  • Monitorar fornecimento de água e ração dos animais;
  • Aplicar recursos disponíveis (capital de giro, estoque, investimento, etc);
  • Monitorar arraçoamento dos animais;
  • Emitir documentos fiscais para cobertura das vendas;
  • Estabelecer custo do transporte por quilômetro rodado;
  • Demonstrar capacidade de negociação;
  • Examinar animais;
  • Providenciar instalações para refeição e vestiários dos funcionários;
  • Realizar ´muda forçada´;
  • Adquirir material de construção, equipamentos e acessórios para produção;
  • Registrar validade do produto;
  • Contratar serviços de elaboração e execução de projetos;
  • Firmar contratos de compra e venda;
  • Conferir sexagem dos animais;
  • Desinfetar instalações;
  • Agir com dinamismo;
  • Controlar doenças, pragas e animais invasores;
  • Demonstrar senso de cooperação;
  • Estabelecer tipos de veículos para transporte da produção e matéria-prima;
  • Fornecer aos funcionários uniformes e equipamentos de proteção individual;
  • Demonstrar dedicação;
  • Realizar manutenção de instalações e equipamentos;
  • Instalar rede de água e energia elétrica;
  • Registrar horário de trabalho dos trabalhadores;
  • Controlar umidade do esterco;
  • Divulgar metas da empresa para trabalhadores;
  • Demonstrar capacidade de expressão oral;
  • Supervisionar construção e instalação dos equipamentos e acessórios;
  • Descartar animais não produtivos;
  • Classificar produto;
  • Demonstrar perseverança;
  • Controlar ambiência (umidade, temperatura, vento);
  • Contratar fretes;
  • Controlar vacinação e vermifugação dos animais;

Onde o Cunicultor pode trabalhar

Produtores da avicultura e cunicultura o trabalho é exercido por produtor rural que trabalha na propriedade. A maioria é constituída de pequenos e médios produtores que podem associar-se em cooperativas ou estabelecer parcerias com os grandes produtores que fornecem a matéria-prima e os insumos para a produção, processo conhecido como integração. As atividades são realizadas em local fechado e individualmente, em horário diurno e o produtor fica exposto a uma série de agentes ambientais (sol, chuva, poeira, vento etc.

Como trabalhar de Cunicultor

O acesso é livre, sem exigências de escolaridade, encontrando-se produtores com os mais diferentes níveis de escolaridade. Para obter maior lucratividade, competitividade e sustentabilidade, requer-se, cada vez mais, atualização constante. O exercício pleno das atividades é alcançado, em média, após um a dois anos de prática. No caso da cunicultura, os iniciantes geralmente qualificam-se em cursos com duração de cerca de duzentas horas-aula.

Quanto ganha um Cunicultor

O Cunicultor tem um salário inicial de R$ 1.257,25 podendo chegar a R$ 1.708,27 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.497,00 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.357,63 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Cunicultor).

Qual a jornada de trabalho do Cunicultor

O Cunicultor trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.

Categoria Profissional: