O que faz um Citotécnico

Profissionais exercendo a profissão de Citotécnico analisam material biológico de pacientes e doadores, recebendo e preparando amostras conforme protocolos específicos. Operam, checam e calibram equipamentos analíticos e de suporte. Os técnicos em patologia clínica e hemoterapia podem realizar coleta de material biológico. Trabalham conforme normas e procedimentos técnicos de boas práticas, qualidade e biossegurança. Mobilizam capacidades de comunicação oral e escrita para efetuar registros, dialogar com a equipe de trabalho e orientar pacientes e doadores.

Algumas das principais funções da profissão

  • Identificar microrganismos;
  • Monitorar qualidade interna de esfregaço citológico;
  • Comparar resultado do exame com os dados clínicos do paciente;
  • Tomar vacinas;
  • Demonstrar acuidade visual;
  • Rastrear células neoplásicas;
  • Sequenciar amostras;
  • Descartar resíduos químicos e biológicos;
  • Solicitar orientação ao responsável técnico, quando necessário;
  • Esterilizar instrumentos;
  • Demonstrar comprometimento;
  • Demonstrar capacidade olfativa;
  • Supervisionar as atividades da equipe auxiliar;
  • Limpar equipamentos e bancada;
  • Introduzir amostras no equipamento;
  • Desinfetar instrumental e equipamentos;
  • Realizar análise macroscópica;
  • Registrar os procedimentos do exame;
  • Confeccionar lâminas (esfregaço);
  • Realizar controle de qualidade interno;
  • Realizar análise microscópica;
  • Ajustar equipamentos;
  • Aplicar normas complementares de biossegurança;
  • Inativar material biológico;
  • Checar funcionamento e adequações dos equipamentos;
  • Diluir material biológico;
  • Controlar estoque, validade e lote de insumos;
  • Corar lâminas;
  • Dosar volumetria de reagentes e soluções para exames;
  • Pesquisar materiais bioquímicos ou genéticos ou hormonais ou citológicos da amostra;
  • Triar material biológico;
  • Confrontar material biológico com o pedido;
  • Participar do desenvolvimento e implantação de novas técnicas de exames;
  • Usar equipamento de proteção individual (epi) e coletiva (epc);
  • Treinar equipe auxiliar;
  • Programar equipamentos;
  • Rejeitar material biológico não conforme;
  • Comparar o resultado do exame com resultados anteriores;
  • Pipetar amostra;
  • Homogeneizar amostras;
  • Solicitar nova coleta;
  • Centrifugar amostras;
  • Solicitar manutenção preventiva e corretiva dos equipamentos;
  • Demonstrar capacidade de concentração;
  • Conferir as condições do material biológico;
  • Submeter-se a exames de saúde periódicos;
  • Preparar soluções e reagentes;
  • Armazenar material biológico;
  • Aliquotar amostras e/ou bolsas de sangue;
  • Administrar o tempo;
  • Solicitar autorização ao responsável técnico, quando necessário;
  • Acondicionar material para descarte;
  • Analisar resultado dos exames;
  • Fornecer dados estatísticos;
  • Transcrever resultados observados;
  • Controlar temperatura dos equipamentos;
  • Comparar resultados com os parâmetros de normalidade;
  • Selecionar técnica de preparação da amostra;
  • Encaminhar exames para o responsável;
  • Demonstrar capacidade de raciocínio lógico;
  • Separar materiais biológicos da amostra;

Onde o Citotécnico pode trabalhar

Técnicos de laboratórios de saúde e bancos de sangue trabalham em laboratórios clínicos, em hospitais, bancos de sangue e em serviços de saúde pública. São empregados assalariados, com carteira assinada, que trabalham em ambientes fechados, e alguns, por rodízio de turnos. Via de regra, trabalham individualmente com supervisão de profissionais de nível superior, tais como bioquímicos, biomédicos, médicos, etc. Em algumas das atividades exercidas sofrem exposição a material tóxico, radiação e risco biológico.

Como trabalhar de Citotécnico

Para o exercício das ocupações desta família ocupacional requer-se curso técnico profissionalizante oferecido por instituições de formação profissional e escolas técnicas. O pleno desempenho das atividades requer experiência inferior a um ano.

Quanto ganha um Citotécnico

O Citotécnico tem um salário inicial de R$ 1.506,55 podendo chegar a R$ 3.239,51 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.960,74 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 2.036,60 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Citotécnico).

Qual a jornada de trabalho do Citotécnico

O Citotécnico trabalha em média 36 horas por semana (180 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.