O que faz um Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral

Profissionais exercendo a profissão de Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral os cirurgiões dentistas atendem e orientam pacientes e executam procedimentos odontológicos, aplicam medidas de promoção e prevenção de saúde, ações de saúde coletiva, estabelecendo diagnóstico e prognóstico, interagindo com profissionais de outras áreas. Podem desenvolver pesquisas na área odontológica. Desenvolvem atividades profissionais junto a crianças, adultos e idosos, com ou sem necessidades especiais, em diferentes níveis de complexidade. Podem atuar em consultórios particulares, instituições públicas ou privadas, ong´s. Exercem atividade de ensino e pesquisa.

Algumas das principais funções da profissão

  • Compor comissões internas de práticas de saúde e segurança;
  • Programar visitas periódicas de retorno;
  • Legalizar documentação para funcionamento de consultório e clínica;
  • Realizar procedimentos domiciliares;
  • Contratar consultorias técnicas especializadas;
  • Propor plano de tratamento;
  • Demonstrar criatividade;
  • Prescrever fármacos (medicamentos);
  • Adotar medidas ergonômicas;
  • Demostrar empatia;
  • Demonstrar segurança;
  • Indicar recomendações pré e pós operatórias;
  • Realizar tratamentos de reabilitação oral;
  • Demonstrar organização;
  • Solicitar exames complementares;
  • Restaurar elemento dental (forma, função e estética);
  • Arquivar documentação dos pacientes;
  • Realizar implantes autógenos ou exógenos;
  • Elaborar projetos de pesquisa;
  • Qualificar equipe de trabalho;
  • Estimar custos de tratamento;
  • Prestar consultorias externa e interna;
  • Participar de ações comunitárias;
  • Auditar serviços e tratamentos odontológicos;
  • Esclarecer ao paciente sobre corresponsabilidade no sucesso do tratamento;
  • Adotar rotinas de trabalho;
  • Documentar informações sobre opções de tratamento;
  • Registrar situação odontológica atual do paciente;
  • Orientar sobre hábitos nocivos à saúde oral;
  • Demonstrar capacidade de contornar situações adversas;
  • Orientar sobre hábitos alimentares e dieta cariogênica;
  • Interpretar exames;
  • Praticar medidas de biossegurança;
  • Informar paciente sobre diagnóstico e prognóstico;
  • Firmar contrato entre as partes;
  • Definir formas de pagamento;
  • Demonstrar sensibilidade;
  • Trocar informações sobre quadro clínico, diagnóstico, prognóstico, tratamento com outros profissionais;
  • Estimar duração do tratamento;
  • Participar de equipes de programas de saúde;
  • Levantar dados;
  • Emitir laudos técnicos e atestados;
  • Registrar dados pessoais do paciente;
  • Demostrar paciência;
  • Planejar ações odontológicas;
  • Informar ao paciente riscos/limites inerentes ao tratamento;
  • Realizar ajuste oclusal;
  • Coordenar ações odontológicas;
  • Realizar exames complementares;
  • Demonstrar capacidade de saber ouvir;
  • Demonstrar capacidade de inovação;
  • Captar fontes de financiamento de pesquisa;
  • Realizar procedimentos conservadores;
  • Encaminhar pacientes para tratamento médico, outras especialidades e áreas afins;
  • Paramentar paciente e equipe odontológica;
  • Realizar anamnese;
  • Orientar sobre técnicas de higiene oral;
  • Preencher formulários de planos de saúde de convênios;
  • Disponibilizar acesso para pacientes especiais;
  • Dar apoio técnico às ações odontológicas;
  • Definir níveis de complexidade do atendimento e do paciente;
  • Participar de equipe multiprofissional para avaliação de riscos ambientais;
  • Realizar tratamento paliativo oral;
  • Pesquisar materiais, medicamentos e equipamentos odontológicos;
  • Demonstrar habilidade manual;
  • Coletar dados epidemiológicos;
  • Definir prioridades e opções de tratamento;
  • Demonstrar capacidade de efetuar atendimento humanizado;
  • Tratar alterações de tecidos da cavidade oral;
  • Demostrar capacidade motora fina;
  • Demonstrar receptividade;
  • Realizar tratamentos estéticos e cosméticos;
  • Fornecer informações sobre quadro odontológico do paciente;
  • Registrar procedimentos executados no prontuário odontológico;
  • Adotar medidas de prevenção à dor crônica;
  • Controlar estoque de material de consumo, medicamentos, instrumental e equipamentos;
  • Elaborar regulamentos internos de consultórios e clínicas;
  • Recepcionar paciente;
  • Demonstrar senso estético;
  • Realizar exame clínico;
  • Desenvolver técnicas operatórias;
  • Utilizar terapias integrativas e complementares;
  • Publicar artigos científicos;
  • Detectar expectativas do paciente;
  • Supervisionar equipe de trabalho;
  • Manter equipamentos em condições de trabalho;
  • Demonstrar capacidade de trabalhar em equipe;
  • Realizar radiografias;
  • Acompanhar ações de órgãos públicos e privados na área de saúde oral;
  • Integrar equipes multidisciplinares;
  • Avaliar perfil do paciente (psicológico, clínico, socioeconômico);
  • Periciar serviços e tratamentos odontológicos;
  • Demostrar percepção visual;
  • Tratar disfunções têmporo-mandibulares;
  • Anestesiar pacientes;
  • Analisar documentação;

Onde o Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral pode trabalhar

Cirurgiões-dentistas atuam nas áreas de odontologia legal e saúde coletiva, dentística, prótese e prótese maxilofacial, odontopediatria e ortodontia, radiologia, patologia, estomatologia, periodontia, traumatologia bucomaxilofacial e implantologia. Trabalham por conta própria ou como assalariados em clínicas particulares, cooperativas e empresas de atendimento odontológico e na administração pública. Exercem suas atividades individualmente e em equipe. Podem permanecer em posições desconfortáveis por longos períodos, estar expostos a radiações, materiais tóxicos, ruído intenso contaminações e aos riscos de lesões por esforços repetitivos e de distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho (ler-dort).

Como trabalhar de Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral

As ocupações requerem, para seu exercício, formação em odontologia e registro no cro e atualização constante.

Quanto ganha um Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral

O Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral tem um salário inicial de R$ 1.100,00 podendo chegar a R$ 1.100,00 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.100,00 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.100,00 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral).

Qual a jornada de trabalho do Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral

O Cirurgião Dentista - Reabilitador Oral trabalha em média 22 horas por semana (110 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.

Categoria Profissional: