O que faz um Ceramista (confecção de Moldes)

Profissionais exercendo a profissão de Ceramista (confecção de Moldes) preparam massa cerâmica, desenvolvem modelos, modelam, formatam e queimam peças cerâmicas. Preparam tintas, esmaltes e vernizes. Esmaltam, envernizam, realizam acabamento em peças cerâmicas e classificam produtos cerâmicos. Trabalham seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e preservação ambiental.

Algumas das principais funções da profissão

  • Trabalhar em equipe;
  • Trabalhar com segurança;
  • Desenvolver iniciativa;
  • Agir com ética;
  • Preparar ferramentas;
  • Demonstrar senso de organização;
  • Demonstrar dinamismo;
  • Demonstrar flexibilidade;
  • Preparar matérias-primas para moldes, modelos e matrizes;
  • Comunicar-se de forma clara e objetiva;
  • Fundir molde;
  • Comprometer-se com o trabalho;
  • Atualizar-se na ocupação;
  • Respeitar normas;
  • Selecionar ferramentas, equipamentos e utensílios;

Onde o Ceramista (confecção de Moldes) pode trabalhar

Ceramistas (preparação e fabricação) atuam principalmente em empresas de fabricação de produtos de minerais não-metálicos, de reciclagem e construção. Também podem trabalhar no comércio por atacado e intermediários do comércio. De modo geral, são trabalhadores assalariados com carteira assinada. Na ocupação de ceramista (torno de pedal e motor) é comum encontrar- se profissionais autônomos. Atuam de forma individual ou em equipe, em ambiente fechado, sob supervisão ocasional ou, dependendo da ocupação, sem supervisão. Trabalham em rodízio de turnos diurno/noturno ou em horários irregulares. Podem ficar expostos a ação de materiais tóxicos, ruído intenso e altas temperaturas.

Como trabalhar de Ceramista (confecção de Moldes)

Para o exercício dessas ocupações requer-se escolaridade entre a quarta e a sétima série do ensino fundamental e curso básico de qualificação profissional em torno de duzentas horas-aula. O pleno desempenho das atividades ocorre entre um e dois anos de experiência profissional.

Quanto ganha um Ceramista (confecção de Moldes)

O Ceramista (confecção de Moldes) tem um salário inicial de R$ 1.271,86 podendo chegar a R$ 2.157,97 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 1.523,74 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 1.509,99 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Ceramista (confecção de Moldes)).

Qual a jornada de trabalho do Ceramista (confecção de Moldes)

O Ceramista (confecção de Moldes) trabalha em média 44 horas por semana (220 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.