O que faz um Analista de Produtos Bancários

Profissionais exercendo a profissão de Analista de Produtos Bancários administram fundos e carteiras de investimentos em instituições financeiras. Desenvolvem, implantam e administram produtos e serviços bancários. Analisam operações de crédito e de cobrança e operacionalizam contratos de financiamento e/ou empréstimos. Controlam recursos para crédito obrigatório e gerenciam cobranças. Preparam e consolidam informações gerenciais e econômico- financeiras. Estabelecem relacionamento entre empresa e mercado financeiro. Relatam aos setores, clientes e investidores, oralmente ou por escrito, a situação dos produtos e serviços.

Algumas das principais funções da profissão

  • Demonstrar capacidade de comunicação oral e escrita;
  • Pesquisar normas legais que regem os produtos e serviços;
  • Analisar segmentos de atividade econômica;
  • Divulgar parâmetros de produtos e serviços;
  • Preparar relatório do fundo e carteira;
  • Conceituar produtos e serviços;
  • Adaptar formulários em geral;
  • Atender clientes internos e externos e públicos de interesse;
  • Ministrar treinamento para a rede de agências;
  • Identificar oportunidade de novos negócios;
  • Emitir relatórios gerenciais por produto e serviço;
  • Demonstrar capacidade de concentração;
  • Estudar viabilidade de negócios;
  • Alterar apresentação do produto ou serviço (nome, apresentação física, canal de venda);
  • Demonstrar raciocínio lógico;
  • Demonstrar capacidade de análise;
  • Sugerir campanhas para alavancagem de vendas de produtos e serviços;
  • Analisar concorrência e mercado;
  • Demonstrar capacidade de relacionamento interpessoal;
  • Obter informações sobre desempenho de produtos e serviços da concorrência;
  • Demonstrar objetividade;
  • Pesquisar produtos e serviços similares no mercado;
  • Apurar resultado gerencial das agências, banco, carteiras e produtos;
  • Analisar conjuntura econômica e política;
  • Demonstrar tempestividade;
  • Disponibilizar informações gerenciais;
  • Definir público-alvo;
  • Consultar mídia impressa e eletrônica;
  • Analisar relatórios da gerência comercial;
  • Projetar dimensão de carteira e sua rentabilidade;
  • Organizar treinamento para a rede de agências;
  • Acompanhar desempenho do fundo e da carteira;
  • Demonstrar capacidade de síntese;
  • Desenvolver material operacional e promocional do produto ou serviço;
  • Identificar oportunidades de ganho financeiro;
  • Estabelecer cronograma para desenvolvimento do produto ou serviço;
  • Adaptar sistemas de informática;
  • Avaliar desempenho de produtos;
  • Conduzir reuniões internas e externas;
  • Apresentar proposta de produto ou serviço ao comitê de crédito;
  • Normatizar procedimentos operacionais;
  • Consultar demais áreas sobre viabilidade de produtos e serviços;
  • Alterar parâmetros de produtos e serviços;
  • Definir parâmetros para produtos e serviços (tarifas, taxas, prazos, valores);
  • Participar de reuniões internas e externas;
  • Reavaliar estratégias;
  • Consolidar normas legais que regem os produtos e serviços;
  • Demonstrar agilidade;
  • Antever cenários futuros;
  • Apoiar área comercial;
  • Delinear propostas de produtos e serviços;
  • Demonstrar visão estratégica;
  • Ajustar produtos à legislação (banco central, previdência, cvm, susep);
  • Demonstrar capacidade de atentar a detalhes;
  • Demonstrar capacidade de manter sigilo;
  • Providenciar manutenção de registros contábeis;
  • Demonstrar visão crítica;

Onde o Analista de Produtos Bancários pode trabalhar

Profissionais de administração ecônomico-financeira o trabalho é exercido em instituições financeiras, seguros e previdência privada, administração pública, defesa e seguridade social e outras atividades empresariais. Os profissionais são assalariados com carteira assinada. Trabalham em equipe, sob supervisão permanente. O trabalho é presencial, realizado em ambiente fechado, no período diurno. As atividades são executadas sob pressão, levando a situação de estresse constante.

Como trabalhar de Analista de Produtos Bancários

O exercício dessas ocupações requer nível superior completo e curso de especialização na área com duração de até duzentas horas-aula. O exercício pleno das ocupações se dá após três ou quatro anos de experiência.

Qual a formação mais comum para a profissão

A formação universitária mais comum para um Analista de Produtos Bancários é a formação em Administração para entrar e atuar no mercado de trabalho atual.

Quanto ganha um Analista de Produtos Bancários

O Analista de Produtos Bancários tem um salário inicial de R$ 2.898,15 podendo chegar a R$ 9.543,91 dependendo da empresa e do tempo de experiência do profissional na área, sendo que R$ 4.997,16 é a média salarial da profissão em todo Brasil.

O piso salarial médio do cargo fica em torno de R$ 5.296,36 de acordo com instrumentos coletivos registrados por sindicatos da categoria na plataforma Mediador - Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho da Subsecretaria de Relações do Trabalho - SRT (acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios que citam Analista de Produtos Bancários).

Qual a jornada de trabalho do Analista de Produtos Bancários

O Analista de Produtos Bancários trabalha em média 41 horas por semana (205 por mês) no mercado de trabalho do Brasil.